Colégio General desenvolve projeto sobre reciclagem

Estudantes visitaram comércio local para explicar à comunidade a respeito da importância da destinação correta dos resíduos.

Ação aconteceu por iniciativa de professora de geografia, com alunos do 8º ano. Atividades teóricas, além de visita a Recilapa e Aterro Sanitário, sensibilização da comunidade e confraternização fizeram parte do plano de conscientização sobre o tema.

Promover a consciência ambiental sobre a reciclagem de resíduos sólidos. Este foi o tema de um trabalho promovido pela professora de geografia, Lucinéia Furtado Bastos, do Colégio Estadual General Carneiro, junto a seus alunos do 8º ano.

Primeiramente, para desenvolver o projeto, Lucinéia aplicou um questionário aos estudantes, com o objetivo de passarem a ter uma visão mais crítica sobre os resíduos produzidos pela sociedade. Eles foram questionados sobre o que é lixo, quem são os maiores produtores, o que é produzido, qual sua destinação e os problemas que estes resíduos causam à saúde e ao meio ambiente. Além disso, foram incitados a refletir sobre a relação entre o lixo e o consumismo, entender a diferença entre o lixo orgânico e o lixo reciclável, saber o que é a reciclagem, quais suas vantagens e o que pode ser destinado a este processo.

Após este primeiro momento de reflexão, os alunos participaram de uma aula expositiva, dialogando sobre as maneiras corretas de separa o lixo para a coleta seletiva. “Dessa forma, os estudantes puderam analisar a situação dos resíduos sólidos em nossa cidade, no Brasil me no mundo. É importante que, junto com a família, realizem e saibam a maneira correta e a importância da separação dos resíduos sólidos”, comentou a professora.

O próximo passo do trabalho foi a realização de uma palestra, nas dependências do Colégio, pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, visando explicar aos estudantes o funcionamento ambiental no município da Lapa. Após este conhecimento teórico adquirido pelos alunos, eles realizaram uma visita à sede da Recilapa, para conhecer a prática e a operacionalização da reciclagem no município. Em outro momento de aula de campo, os alunos visitaram o Aterro Sanitário, percebendo o tipo de lixo que chega até ele. “O intuito foi impressioná-los, estimulando a mudança prática de atitudes e a formação de novos hábitos em relação a separação do lixo”, afirma a professora.

Depois de realizar todo o trabalho para que os alunos entendessem a temática ambiental, eles apresentaram uma encenação para as demais turmas do Colégio, esclarecendo dúvidas sobre os resíduos sólidos e a importância da reciclagem. O teatro teve título “As cores e seus significados na reciclagem”

O próximo passo do projeto foi levar o conhecimento adquirido à população, através da confecção e da entrega de folders no comércio local. Com o apoio do professor da disciplina de português e de arte, os alunos montaram o material. “Hoje uma das grandes preocupações é que o comércio não respeita os dias e horários da coleta seletiva, por isso a necessidade desses folders, informando com dados, ilustrações, curiosidades sobre dia e horários da coleta seletiva no comércio”, comentou a professora.

Depois de realizar o trabalho voltado ao público externo, os estudantes realizaram exposição de produtos artesanais, para os demais alunos e comunidade local, com produtos feitos com materiais reciclados. E, para finalizar as atividades, um evento especial, de dar água na boca! Foi realizada uma confraternização entre professores, alunos e equipe pedagógica, servindo produtos feitos a partir do reaproveitamento de alimentos. Sucos e bolos foram oferecidos aos participantes. Os que participaram da confraternização aprovaram as receitas. E o resultado geral do projeto, então, não poderia ser outro: conscientização e conhecimento, a ser levado para a família de cada um, tanto alunos, como os demais que foram atingidos pela ação.

Para finalizar a ação, receitas com reaproveitamento de alimentos fizeram parte das delícias servidas na confraternização.