Os benefícios do botox

O tratamento envolve injeções em quantidades muito pequenas nos músculos para imobilizá-los.

Proteína pode ser utilizada como forma de prevenção de linhas de expressão e rugas também em pacientes jovens. Além disso, procedimento também oferece alívio para o suor excessivo.

Toxina botulínica, conhecida popularmente como “botox”, é uma proteína produzida pela bactéria Clostridium botulinum e atua como um bloqueio da musculatura abaixo das linhas indesejadas.

A toxina botulínica é indicada para amenizar linhas de expressão e rugas profundas. Por exemplo, as linhas verticais entre as sobrancelhas; pés-de-galinha nos cantos dos olhos; linhas horizontais na testa e no pescoço. Esse tratamento também é indicado para previnir a formação de rugas, devendo ser realizado em pacientes jovens.

O tratamento envolve injeções dessa toxina em quantidades muito pequenas nos músculos para imobilizá-los. A toxina começa a fazer efeito sete a 14 dias após a aplicação e esse efeito perdura por cerca de três a seis meses, perdendo o efeito gradativamente. Com aplicações em intervalos regulares, o músculo  pode enfraquecer e as aplicações passam a durar mais.

Caso seja necessário, maquiagem pode ser usada após o tratamento, mas é preciso ter cuidado para não pressionar ou massagear a área após algumas horas do procedimento. No dia do procedimento não deve ser realizada nenhuma atividade física.

A transpiração excessiva pode aliviar com injeções altamente diluídas da toxina botulínica, diretamente na pele das axilas ou na pele nas palmas das mãos e plantas dos pés. Uma única sessão de tratamento pode fornecer meses de alívio, e as injeções podem ser repetidas indefinidamente, uma ou duas vezes por ano.

Para mais informações sobre os procedimentos dermatológicos, agende uma consulta na Clínica Medimagem, telefone 41.3622.3186.

*Eveline Battaglin, médica dermatologista.