Os tropeços da vida

Se hoje o seu dia não for um bom dia, de quem será a culpa? Quantas pessoas que você conhece têm mania de apontar alguém como responsável por aquilo que lhes acontece?

É fundamental não achar um ou mais culpados, mas encontrar a raiz do problema para contornar a situação, resolver o problema e possivelmente não repeti-lo novamente. Isso é sinal de maturidade, de responsabilidade, respeito por si mesmo e pelos próprios resultados.

Agora, se alguém quiser, de qualquer maneira, fazer você sentir-se culpado pelos tombos que está levando na vida, não aceite a culpa que lhe é imposta, principalmente se você não deve nada! Quando você cair, precisa de muita sabedoria para levantar-se com mais força! Então, faça todo esforço para transformar hoje num bom dia! Agora para ilustrar vou contar uma rápida historinha e espero que você goste!

Certa vez um jovem foi procurar um mestre, reclamando que na sua vida nada dava certo, que ele sentia que todos tentavam sabotá-lo. Queria que o mestre lhe ensinasse a lição mais importante da vida, para superar todos seus “inimigos”. O mestre, sem perder tempo, conduz seu aprendiz pela floresta. Embora mais velho, ele caminha com agilidade, enquanto o jovem aprendiz escorrega e cai a todo instante.

O aprendiz blasfema, levanta-se, cospe no chão, chamando-o de traiçoeiro, mas continua acompanhando o mestre. Depois de uma longa caminhada, chegam a um lugar sagrado. Sem parar, o velho sábio simplesmente dá meia volta e começa a viagem de retorno. “Você não me ensinou nada hoje”, diz o aprendiz, furioso, levando mais um tombo. “Ensinei, sim, mas você parece que não aprendeu”, responde o mestre. “Estou tentando lhe ensinar como se lida com os erros da vida!”, disse o sábio.

E como lidar com os erros da vida? Em vez de ficarmos amaldiçoando nossas quedas, devemos procurar aquilo que nos fez escorregar e evitar pisar nisso.

Assim é na vida. Toda vez que caímos devemos procurar a raiz dos erros e levantar com sabedoria e determinação.

Pense nisso! Você pode! Você merece! Seja feliz!

Para refletir:

“Apenas se lembre de que você não precisa ser aquilo que eles desejam que você seja”. (Muhammad Ali)

Luiz Benedito

Luiz Benedito


Entre em contato com Luiz Benedito: beneditoluiz@yahoo.com.br